Tufão Jebi causou oito milhões de prejuízos só em Ferraris: destruiu 51 carros novos

O mau tempo e as chuvas deixaram 51 Ferraris submersos num concessionário japonês

Na última semana o Japão foi atingido pelo tufão Jebi, a maior tempestade a atingir o país em 25 anos, com ventos que chegaram aos 280 km/hora. Mais de 17 pessoas perderam a vida e estima-se que os prejuízos atinjam os dois mil milhões de euros - dos quais dois mil milhões só em Ferraris.

É que um dos edifícios que ficou parcialmente inundado na ilha de Rokko albergava um concessionárioda Ferrari, provocando a destruição de 51 dos 53 novos veículos que estavam em exposição.

De acordo com o Autoweek , estima-se que os prejuízos rondem os nove milhões de dólares (quase oito milhões de euros). Nem os sacos de areia colocados pelos funcionários do stand conseguiram fazer frente ao nível das águas de quase um metro.

Embora os veículos e as instalações estejam cobertos pelo seguro, a verdade é que a reparação não só é delicada como também dispendiosa, pelo que os clientes terão de aguardar vários meses até à reposição dos mesmos pelo fabricante. Dado o contacto dos automóveis com água salgada, a corrosão dos chassis torna-se inevitável.