Trump reúne-se com Michael Gove mas não com Boris Johnson

Ministro do Ambiente deverá ser o único dos candidatos a líder do Partido Conservador a reunir-se com o presidente dos EUA durante esta sua visita ao Reino Unido.

Michael Gove poderá ser, no final de contas, o único dos 12 candidatos à sucessão de Theresa May na liderança do Partido Conservador a ter direito a um encontro privado com o presidente dos EUA.

"O senhor Gove foi convidado, ontem à noite, pela equipa do senhor Trump, para ver se podia encontrar-se com o presidente hoje. Ele disse que sim. Mas ainda não está nada combinado", disse uma fonte próxima do atual ministro do Ambiente britânico citada pela Sky News e pelo Guardian.

Gove, antigo jornalista e colunista do jornal The Times, entrevistou Trump em 2017, juntamente com Kai Diekmann, antigo diretor do jornal alemão Bild. Logo na primeira pergunta, os dois entrevistadores lembram o presidente das suas origens, mãe oriunda da Escócia, tal como Gove, avó oriundo da Alemanha, tal como Diekmann.

Já Boris Johnson, ex-ministro dos Negócios Estrangeiros britânico, favorito na corrida à liderança dos Tories, não deverá encontrar-se, num encontro privado, com Trump. O presidente disse considerá-lo um "amigo" e um "tipo porreiro". Segundo o Daily Mirror, Johnson e Trump tiveram uma conversa amigável de 20 minutos, mas o brexiteer recusou o convite do chefe do Estado norte-americano para participar no jantar-festa que vai dar esta noite na residência do embaixador dos EUA.

Boris, que lançou a sua campanha na segunda-feira, prometendo "fazer acontecer o Brexit de forma apropriada", preferiu antes participar, esta terça-feira à noite, num encontro de campanha privado organizado pelo One Nation Tories na câmara dos Comuns, segundo o mesmo jornal, citado pelo Guardian.

Quem também espera receber um convite para um encontro a sós é o líder do Partido do Brexit. "Já me reuni com ele em várias ocasiões quando ele esteve livre e disse que talvez o Nigel o pudesse ir ver. Por isso, vamos esperar para ver, se eu recebo ou não um telefonema também esta tarde", disse Nigel Farage, no programa Good Morning da ITV.

Todas estas movimentações surgem numa altura em que Trump se reúne com May, mas não a sós, sempre num contexto de pequeno-almoço de trabalho, almoço de trabalhos, com membros das duas equipas. Ou visitas com os respetivos cônjuges de ambos, Melania e Philip, a acompanhar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG