Primeiro voo direto entre Austrália e Europa realizado em 17 horas

A ligação com Perth é cerca de três horas mais rápida do que as rotas que envolvem paragem no Oriente Médio para mudar de avião ou reabastecer

A primeira ligação aérea direta entre Austrália e Europa (Reino Unido) foi concluída esta madrugada com sucesso: o 787-9 Dreamliner da companhia aérea Qantas percorreu 14.498 quilómetros e passou mais de 17 horas no ar, revelou a companhia responsável pela viagem.

Segundo a agência espanhola EFE, foram mais de 200 os passageiros transportados nesta ligação direta, que começou na cidade de Perth, no oeste da Austrália, às 19:00 locais (11:00 em Lisboa) de sábado e terminou às 05:02 de hoje no aeroporto de Heathrow, em Londres (mesma hora em Lisboa). O voo de regresso parte hoje às 13:15 (hora de Lisboa) de regresso.

A nova rota é 24% mais extensa do que o serviço mais longo oferecido até agora pelo Reino Unido, o voo operado pela empresa Garuda Indonesia entre Heathrow e Jacarta, uma rota sem escalas de 11.707 quilómetros. É também cerca de três horas mais rápida do que as rotas que envolvem paragem no Oriente Médio para mudar de avião ou reabastecer.

Alan Joyce, presidente da Qantas, defendeu que a nova rota "muda o jogo" e lembrou que os voos oferecidos até agora, entre Austrália e Reino Unido, conhecidos como "a rota canguru", duram quatro dias e envolvem sete escalas.

O anúncio da inauguração desta nova rota ocorreu no final de 2016, depois de a empresa e o aeroporto de Perth chegarem a acordo para este voo poder usar o terminal doméstico.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG