Pelo menos dois mortos e 50 feridos em incêndio numa sauna na Coreia do Sul

As mortes foram causadas pela inalação de fumo e a maioria dos feridos encontra-se hospitalizada.

Pelo menos duas pessoas morreram e 50 ficaram feridas na sequência de um incêndio numa sauna pública na cidade de Daegu, na Coreia do Sul, anunciaram hoje as autoridades do país.

O incêndio teve início às 07:10 (22:10 em Lisboa), no quarto andar de um edifício localizado no centro da cidade, a cerca de 230 quilómetros a sudeste de Seul, indicou fonte dos bombeiros à agência de notícias sul-coreana Yonhap.

O fogo, cuja origem ainda não é conhecida, não afetou outros pisos e foi dominado pouco depois.

As mortes foram causadas pela inalação de fumo e a maioria dos feridos encontra-se hospitalizada.

Nos últimos dois anos, incêndios num ginásio e num hospital sul-coreanos deixaram 29 e 41 mortos, respetivamente.

Exclusivos

Premium

Ferreira Fernandes

A angústia de um espanhol no momento do referendo

Fernando Rosales, vou começar a inventá-lo, nasceu em Saucelle, numa margem do rio Douro. Se fosse na outra, seria português. Assim, é espanhol. Prossigo a invenção, verdadeira: era garoto, os seus pais levaram-no de férias a Barcelona. Foram ver um parque. Logo ficou com um daqueles nomes que se transformam no trenó Rosebud das nossas vidas: Parque Güell. Na verdade, saberia só mais tarde, era Barcelona, toda ela.