"Meu neto é um cara bonito, viu ali, branqueamento da raça"

Candidato de Jair Bolsonaro a vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, disse acreditar em vitória na primeira volta

O candidato de Jair Bolsonaro a vice-presidente do Brasil, o general Hamilton Mourão, está novamente a causar polémica com declarações que fez aos jornalistas à chegada ao aeroporto de Brasília no sábado.

"Gente, deixa eu ir lá, meus filhos estão esperando. Olha, meu neto é um cara bonito, viu ali? Branqueamento da raça", declarou o candidato do candidato do Partido Social Liberal, favorito na primeira volta das presidenciais de hoje no Brasil.

Esta não é a primeira vez que Mourão causa polémica com declarações sobre questões raciais. No passado já tinha associado os indígenas à "indolência" e os negros à "malandragem".

Mourão disse aos jornalistas no aeroporto estar confiante na vitória de Bolsonaro e do PSL logo na primeira volta. "Estou apostando em uma vitória no primeiro turno. Porque existe uma onda verde e amarela, uma onda que se agigantou nos últimos dias. A gente anda pela rua, vê as pessoas falando, vejo muitos poucos dizendo que estão contra, então estou com essa expectativa positiva", declarou o general, admitindo, porém, que em caso de segunda volta qualquer adversário serve.

A acontecer, a segunda volta será no dia 28, indicando as sondagens que o rival mais provável de Bolsonaro será o candidato do Partido dos Trabalhadores (PT), Fernando Haddad, em substituição de Lula da Silva, qu está preso. "Sou do Exército, a infantaria, que é uma das nossas armas, tem um ditado: o que vier, nós traça", declarou Mourão, em tom desafiador.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG