O que significa o nome do filho de Harry e Meghan? E o apelido?

Archie herdou os sobrenomes da rainha e do Duque de Edimburgo - Mountbatten-Windsor. O príncipe Filipe nunca deu o nome aos filhos, mas agora um neto carrega a sua herança

O membro mais recente da família real britânica já tem nome. O príncipe Harry e a duquesa Meghan Markle escolheram chamar o seu filho de Archie Harrison Mountbatten-Windsor. De acordo com a conta oficial de Twitter da família real, a rainha Isabel II conheceu o seu oitavo bisneto durante a tarde de quarta-feira, no Castelo de Windsor.

"A rainha e o duque de Edimburgo foram apresentados ao filho recém-nascido do duque e da duquesa de Sussex no Castelo de Windsor. A Sra. Doria Ragland [mãe de Meghan] também estava presente. O duque e a duquesa de Sussex têm o prazer de anunciar que chamaram ao seu filho Archie Harrison Mountbatten-Windsor."

Os sites especializados avançaram com apostas sobre o possível nome do bebé, mas nenhum deles, nem os três que mais se destacaram - Alexander, Philip, como o bisavô, ou Arthur -, se aproximou do nome escolhido.

Não é conhecida nenhuma ligação entre o nome Archie e a família real até à data. É normal que os novos membros herdem nomes de membros mais velhos da família real em forma de homenagem, mas Harry e Meghan quiseram seguir um caminho diferente.

Escolha do nome surpreendeu jornalistas e comentadores

"Nenhum de nós estava à espera de ver esse nome surgir", disse à BBC Joe Little, editor chefe da revista Majesty Royal. Little acredita que a escolha do nome pode ter sido uma sugestão de Meghan. "Pode ser um nome com o qual Meghan esteja familiarizada", acrescentou.

Quando questionado sobre a escolha dos dois nomes, Little disse acreditar que foi uma tentativa de juntar as origens de ambos. "Archie dá uma sensação britânica, enquanto Harrison é um nome mais americano", comentou.

O novo bebé real também não herdou nenhum dos nomes dos avós ou dos bisavôs, nem mesmo como nome do meio. "Mais uma vez, a decisão é dos pais", diz Little. "É uma escolha deles."

Richard Fitzwilliams, conhecido comentador de assuntos reais britânico, também comentou a escolha de Archie, considerando que é mais uma prova da "individualidade" que tem sido demonstrada por Harry e Meghan. Para Fitzwilliams, o facto de o casal não ter optado por um nome tradicional é uma atitude "maravilhosa" e que "rejuvenesce a monarquia".

"É uma escolha única, por um casal único que está a fazer as coisas de uma maneira única",afirmou.

No entanto, Harry e Meghan não são pioneiros: o nome dado à primeira neta da rainha - Zara Phillips - "causou grande sensação" quando foi revelado, recorda Little.

Quanto ao apelido - Mountbatten-Windsor - foi criado em 1960 e combina os sobrenomes da rainha e do príncipe Filipe. Foi uma concessão feita ao duque de Edimburgo, que se queixava por nunca ter podido dar o seu nome aos filhos.

Apelido Mountbatten-Windsor é homenagem ao duque de Edimburgo

Para Penny Junor, escritora de temas relacionados com a realeza, o facto de Archie usar esse apelido é algo que deverá deixar o marido da rainha "absolutamente emocionado".

"Acho que é uma homenagem muito bonita ao avô de Harry.", afirma a autora.

De acordo com a BBC, Archie significa "genuíno", "ousado", "corajoso" e, originalmente, era o diminutivo de Archiebald. Agora tornou-se um dos nomes mais populares entre os ingleses, tendo sido o 18.º mais utilizado em 2017 (2803 bebés).

Harrison é tão incomum como Archie na família real, mas quase tão popular como o primeiro nome do bebé entre o povo inglês. Em 2017 entrou no ranking dos nomes mais utilizados, foi o 34.º, menos de dez lugares atrás de Archie. Além da popularidade, o nome Harrison lê-se Harry's son, que significa "filho de Harry".

O casal optou por não dar nenhum título real ao filho. Archie poderia ter assumido o título de conde de Dumbarton, mas Meghan e Harry decidiram que este será apenas conhecido como "Senhor Archie".

Nesta quarta-feira, durante a apresentação do bebé ao mundo, a duquesa de Sussex foi a primeira a falar, apesar de Archie aparecer nos braços do pai, Harry. Meghan demonstra estar encantada com a maternidade. "É mágico, é espantoso. Tenho os dois melhores rapazes do mundo, estou muito feliz."

Meghan diz que o seu filho "tem o temperamento mais doce, ele é realmente calmo. Ele tem sido o sonho". Harry brincou com a frase da mulher e diz não saber a quem é que o bebé sai com estas características. O príncipe afirma estar tão encantado como Meghan e que "ser pai é fantástico" e chamou o bebé de "o nosso próprio pacote de alegria".

O filho de Meghan e Harry é o sétimo na linha de sucessão ao trono britânico. Nasceu na madrugada de segunda-feira, às 05.26, com 3,26 quilogramas. Horas depois, o príncipe Harry anunciava o nascimento do bebé: "Tem sido a experiência mais incrível do que eu podia ter imaginado", afirmou aos jornalistas, assegurando que tanto a mãe como a criança se encontravam "incrivelmente bem".

"O que cada mulher consegue fazer vai para lá da minha compreensão, mas estamos os dois absolutamente entusiasmados", referiu então Harry, que falava em Frogmore Cottage, a casa para onde se retiraram enquanto esperavam o nascimento do bebé, em Windsor, a cerca de 40 quilómetros de Londres.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG