Dois mortos e seis feridos em esfaqueamento na Finlândia. Um atacante detido

Não está claro se foi um incidente terrorista, segundo as autoridades

Pelo menos duas pessoas morreram e seis ficaram feridas esta sexta-feira à tarde num ataque com uma arma branca na cidade de Turku, na Finlândia. O atacante foi baleado pela polícia e detido.

As autoridades dizem que até ao momento há apenas um suspeito do incidente, mas revelam que ainda estão à procura de potenciais cúmplices. Para já, não está claro se se tratou de um incidente terrorista nem são conhecidas as motivações do atacante, segundo a Reuters.

Entretanto, foi reforçada a segurança em todo o país, incluindo no aeroporto de Helsínquia e nas gares.

O incidente ocorreu perto da praça de Puutori. A cidade de Turku fica a cerca de 170 quilómetros de Helsínquia, capital da Finlândia.

A polícia revelou pelo Twitter que oito pessoas foram esfaqueadas, e duas delas acabaram por morrer.

As autoridades estabeleceram um perímetro de segurança em volta do centro de Turku, uma cidade de cerca de 200 mil habitantes, que chegou a ser capital do país, e pediram que a população evite passar por esta zona.

A imprensa local diz que as autoridades está a fazer buscas em comboios e autocarros que partem da cidade.

A televisão pública Yle noticiou que no local eram visíveis vários corpos estendidos no chão e que poderá haver pelo menos uma vítima mortal, uma vez que um dos corpos estava completamente tapado.

O tabloide Ilta-Sanomat tinha avançado que pelo menos seis pessoas ficaram feridas, um homem e cinco mulheres, e que uma mulher com um carrinho de compras foi atacada por um homem com uma faca grande.

A imprensa local diz ainda que a polícia está a fazer buscas em comboios e autocarros que partem da cidade e que foi reforçada a segurança no aeroporto de Helsínquia e nas gares.

Nas redes sociais começam a ser publicadas imagens do incidente. Foi divulgado um vídeo que mostra pessoas a correrem nas ruas e em que se ouvem gritos.

O primeiro-ministro da Finlândia Juha Sipila escreveu no Twitter que "o governo está a acompanhar de perto a situação em Turku e o desenrolar da operação policial". Foi marcada uma reunião do governo para hoje.

A ministra do Interior, Paula Risikko, anunciou que a segurança vai ser reforçada em todo o país.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub