Trump diz que recuperação do Texas foi um "sucesso" depois do furacão Harvey

O presidente norte-americano considerou que deve usar-se material que resista melhor à água nas novas construções

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou esta quinta-feira que a recuperação do Texas depois da passagem do furacão Harvey foi um "enorme sucesso", referindo que as novas construções devem resistir melhor à água.

O furacão causou um valor recorde de queda de chuva nas áreas em redor de Houston, que inundaram milhares de casas, com Donald Trump a afirmar que nunca um furacão causou uma "queda de água tão forte".

Durante um briefing em Dallas sobre os esforços de recuperação de furacões, o Presidente norte-americano defendeu que se deve usar nas novas construções material que resista melhor à água.

Trump salientou que o material pode ser mais caro, mas que vai economizar mais dinheiro no futuro e garantir postos de trabalho.

O furacão Harvey atingiu o Texas, em categoria 4, a 25 de agosto passado, gerando inundações sem precedentes em Houston e matando mais de 80 pessoas.

Ler mais

Exclusivos

Premium

João Gobern

País com poetas

Há muito para elogiar nos que, sem perspectivas de lucro imediato, de retorno garantido, de negócio fácil, sabem aproveitar - e reciclar - o património acumulado noutras eras. Ora, numa fase em que a Poesia se reergue, muitas vezes por vias "alternativas", de esquecimentos e atropelos, merece inteiro destaque a iniciativa da editora Valentim de Carvalho, que decidiu regressar, em edições "revistas e aumentadas", ao seu magnífico espólio de gravações de poetas. Originalmente, na colecção publicada entre 1959 e 1975, o desafio era grande - cabia aos autores a responsabilidade de dizerem as suas próprias criações, acabando por personalizá-las ainda mais, injectando sangue próprio às palavras que já antes tinham posto ao nosso dispor.