Baton Rouge: três polícias mortos e três atingidos. Autor identificado

Novo vídeo do tiroteio. Autor dos homicídios é um ex-marine que fazia anos

Três polícias morreram e outros três foram atingidos e estão em estado grave em Baton Rouge, no estado norte-americano do Luisiana. O atirador também foi morto, tendo a polícia inicialmente suspeitado de que exisitiriam mais dois cúmplices, mas tal não se chegou a confirmar..

O porta-voz da polícia de Baton Rouge, Don Coppola, confirmou à CNN as mortes dos três agentes.

O autor da morte foi depois identificado como sendo um ex-fuzileiro do Kansas City (Missuri). Segundo a cadeia de televisão WAFB, que citou fontes policiais, disse que o indivíduo, chamado Gavin Long, fazia hoje 29 anos.

Entretanto, surgiu nas redes sociais um novo vídeo do momento do tiroteio, captado por telemóvel por um transeunte:

Segundo a CNN, a polícia recebeu uma chamada sobre um homem suspeito e armado, vários agentes foram mobilizados para o local, por volta das 9 da manhã (hora local), e houve um tiroteio. Uma testemunha disse à BBC que um dos atiradores usava uma máscara e roupa de estilo militar.

O governador do Luisiana, John Bel Edwards, já condenou o ataque, que considerou "inexplicável" numa altura em que é necessária "unidade". O mayor (presidente) de Baton Rouge, Kip Holden, condenou alguma da retórica usada após a morte de Alton Sterling, um cidadão afro-americano morto pela polícia, dizendo que é como despejar gasolina num fogo.

O incidente surge dias depois da morte de cinco polícias em Dallas, no Texas, durante protestos contra a morte de dois homens afro-americanos às mãos da polícia, um deles Alton Sterling, em Baton Rouge.

As duas mortes geraram protestos um pouco por todo o país e o assassinato de cinco polícias veio incendiar ainda mais os ânimos nas manifestações.

(Notícia atualizada)

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub