Três mortos em tiroteio. Atacante está em fuga

Tiroteio aconteceu aquando de uma detenção. Duas das vítimas mortais são agentes da Guardia Civil

Um civil e dois agentes policias foram mortos num tiroteio, esta quinta-feira, entre as localidades de Andorra e Albalate de Arzobispo, na província de Teruel, Aragão. Chegou a ser noticiado pelo La Vanguardia que o atacante teria sido abatido, mas este estará ainda em fuga.

Todas as patrulhas da zona foram destacadas para o incidente.

Foi encontrada uma arma no perímetro e autor teria mais pistolas com ele, que roubou aos agentes da Guardia Civil.

O autor fugiu num automóvel, segundo fontes policiais, mais concretamente uma pickup verde.

Os dois polícias o civil estariam à procura do autor dos disparos, devido a um assalto a uma quinta, no passado dia 5 de dezembro, que feriu duas pessoas.

O El País acrescenta que o principal suspeito é um ex-militar do leste da Europa.

Mariano Rajoy, primeiro-ministro espanhol enviou os "pêsames às famílias e companheiros", reconhecendo o trabalho da Guardia Civil.

Em atualização

Ler mais

Exclusivos