Tiroteio em escola na California. Pelo menos cinco mortos

Homem matou duas pessoas em casa e depois dirigiu-se a uma escola, onde feriu pelo menos duas crianças. Foi abatido pela polícia

Um tiroteio esta terça-feira na região rural do Rancho Tehama, na Califórnia, resultou em pelo menos cinco mortos e vários feridos, entre os quais duas crianças, uma delas numa escola primária.

De acordo com a televisão californiana KCRA, o número de vítimas mortais, incluindo o atirador, está neste momento em cinco. Mais de cem agentes da autoridade estão a investigar o incidente e foram encontradas duas pistolas e uma arma semiautomática que deverão ser do atirador.

Vizinhos do atirador terão dito às autoridades que o tiroteio começou com um incidente de violência doméstica, estendendo-se depois à escola e outros locais. Pelo menos sete outros locais, diz o Washington Post, citando Phil Johnston, xerife assistente em Tehama County.

"Ficou claro muito cedo que estávamos a lidar com um indivíduo que estava a escolher alvos aleatoriamente", afirmou Johnston.

As idades das pessoas mortas, assim como dos feridos, não foram reveladas pelas autoridades.

Segundo a agência AP, o incidente iniciou-se numa residência cerca das 8:00 locais. O atirador matou duas pessoas e depois dirigiu-se para a escola primária local, na Reserva de Rancho Tehama - a cerca de 150 quilómetros da cidade de Sacramento.

Aí, feriu pelo menos duas crianças.

As autoridades evacuaram rapidamente o estabelecimento de ensino. O atirador acabou abatido pela polícia.

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub