Tatuagens: a nova loucura dos apoiantes de Sanders

Fãs gravam na pele o apoio ao candidato democrata à presidência dos EUA.

Um estúdio de tatuagens de Montpelier, no estado norte-americano de Vermont, começou na semana passada a oferecer tatuagens do senador Bernie Sanders.

Já várias dezenas de pessoas se deslocaram ao estúdio Aartistic Tattoo para usufruir da oferta e demonstrar o apoio a Sanders, que desde 1991 representa no Vermont no Congresso, primeiro na Câmara dos Representantes e desde 2007 no Senado.

O artista Chad Fay garante que já tatuou pelo menos 15 pessoas e indica que a promoção irá decorrer enquanto Sanders - que perdeu por muito pouco os caucus do Iowa para Hillary Clinton e está à frente da ex-primeira dama nas sondagens para as primárias do New Hampshire (no dia 9) - estiver na corrida à presidência.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Crespo

No PSD não há inocentes

Há coisas na vida que custam a ultrapassar. A morte de alguém que nos é querido. Uma separação que nos parece contranatura. Ou uma adição que nos atirou ao charco e da qual demoramos a recuperar. Ao PSD parece terem acontecido as três coisas em simultâneo: a morte - prematura para os sociais democratas - de um governo, imposta pela esquerda; a separação forçada de Pedro Passos Coelho; e uma adição pelo poder que dá a pior das ressacas em política.