Sánchez promete aprovar orçamento se moção de censura passar

Prossegue o debate em que o líder dos PSOE tenta reunir os 176 votos para derrubar o governo de Mariano Rajoy.

Parlamento espanhol debate uma moção de censura apresentada pelo PSOE na sequência da sentença do caso Gürtel. Líder dos socialistas, Pedro Sánchez, admite aprovar orçamento do primeiro-ministro Mariano Rajoy se moção for aprovada.

Rajoy acusou Sánchez de estar a apresentar a moção "porque nunca vai ganhar umas eleições". Já o líder do PSOE convidou o primeiro-ministro a demitir-se. "Demita-se, senhor Rajoy, e tudo terminará". Sánchez prometeu ainda restabelecer o diálogo com o novo governo da Catalunha.

O futuro do governo espanhol está agora nas mãos do PNV, o partido nacionalista basco, cujos cinco votos são decisivos para a aprovação da moção de censura.

Ler mais

Exclusivos