Polícia norueguesa fez explodir objeto "semelhante a uma bomba"

Objeto foi encontrado em Grønland, no centro da cidade. Segundo a polícia, há um suspeito que foi detido

A polícia norueguesa provocou uma explosão controlada de um artefacto "semelhante a uma bomba", já na noite deste domingo, na capital do país, Oslo. A detonação aconteceu pelas 00.30, hora local, menos uma hora em Lisboa.

O objeto foi encontrado na ponte de Grønlandsleire, em Grønland, no centro da cidade. Segundo a informação da polícia, difundida no Twitter, o objeto não provocaria grandes estragos, mas toda a área foi fechada para evitar a aproximação das pessoas. Não foi ainda confirmado se se trataria de uma bomba.

Na mesma rede social, a polícia de Oslo confirmou ter sob custódia uma pessoa considerada suspeita. As investigações prosseguem.

Desde sexta-feira, na sequência do atentado em Estocolmo, Suécia, que a polícia da Noruega passou a ter os seus agentes armados nas principais cidades do país, bem como no aeroporto de Oslo. Até agora os polícias faziam as patrulhas normalmente desarmados.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Crespo

No PSD não há inocentes

Há coisas na vida que custam a ultrapassar. A morte de alguém que nos é querido. Uma separação que nos parece contranatura. Ou uma adição que nos atirou ao charco e da qual demoramos a recuperar. Ao PSD parece terem acontecido as três coisas em simultâneo: a morte - prematura para os sociais democratas - de um governo, imposta pela esquerda; a separação forçada de Pedro Passos Coelho; e uma adição pelo poder que dá a pior das ressacas em política.