Polícia brasileira prende papagaio cúmplice de criminosos

O animal avisava casal de traficantes da chegada dos autoridades a uma favela da cidade de Teresina através da frase "mamãe, polícia". Os agentes ouviram e detiveram-no.

A polícia militar do Brasil prendeu na última segunda-feira um papagaio que avisava a dona, uma líder do tráfico de drogas na comunidade Vila Irmã Dulce, em Teresina, capital do Piauí, da chegada das autoridades ao bairro. Sempre que os agentes se aproximavam, o animal dizia "mamãe, polícia". Desta vez, eles chegaram, ouviram o aviso e detiveram o cúmplice de Índia, como é conhecida a dona da "boca de fumo", já com cadastro criminal ligado ao tráfico

Segundos os polícias, citados pelo site local Meio Norte, como o papagaio estava treinado para esse efeito foi decidido levá-lo para o Batalhão da Polícia Ambiental. Depois, foi transferido para o zoobotânico de Teresina.

Além de Índia, o marido dela, Edvan, também foi detido na casa.

Exclusivos