Piloto detido em pleno avião por suspeita de embriaguez

O voo foi atrasado e a companhia aérea já pediu desculpa

Um avião da British Airways estava prestes a descolar do aeroporto de Gatwick, em Londres, quando, de repente, a polícia entrou a bordo e deteve o piloto. A razão? Suspeita de embriaguez.

Na quinta-feira ao início da noite, a tripulação alertou as autoridades para a possibilidade de o piloto Boeing 777 com destino às Maurícias estar sob o efeito de bebidas alcoólicas. As suspeitas deviam-se ao odor e ao comportamento.

A polícia armada entrou a bordo do aparelho e deteve o piloto, de 49 anos, em plena cabine, o que levou a um atraso do voo em cerca de duas horas.

A British Airways pediu desculpa aos passageiros pelo atraso e garantiu que este se deveu ao tempo necessário para encontrar um outro piloto que pudesse fazer a viagem. Disse ainda que a segurança dos passageiros era a principal preocupação.

O piloto foi libertado na sexta-feira. Está sob investigação.

Há um ano deu-se um caso semelhante no Canadá, com um piloto da Sunwing. E pouco antes, um outro na Indonésia.

Ler mais

Exclusivos