Pelo menos 71 mortos em incêndio na Califórnia

Há ainda mil pessoas desaparecidas

As autoridades norte-americanas elevaram na sexta-feira para 71 o número de mortos devido a um incêndio no norte do estado da Califórnia que devastou a vila de Paradise, onde arderam quase dez mil habitações.

O xerife do condado de Butte, Korey Honea, informou ainda que as autoridades têm uma lista de mil pessoas desaparecidas.

O anterior balanço dava conta de 63 mortos e de 631 desaparecidos.

O incêndio praticamente devastou Paradise, vila de 27 mil habitantes, e destruiu parcialmente as localidades vizinhas de Magalia e Concow.

As chamas daquele que é o incêndio mais mortífero da história da Califórnia consumiram já 572 quilómetros quadrados.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Daniel Deusdado

Começar pelas portagens no centro nas cidades

É fácil falar a favor dos "pobres", difícil é mudar os nossos hábitos. Os cidadãos das grandes cidades têm na mão ferramentas simples para mudar este sistema, mas não as usam. Vejamos a seguinte conta: cada euro que um português coloca num transporte público vale por dois. Esse euro diminui o astronómico défice das empresas de transporte público. Esse mesmo euro fica em Portugal e não vai direto para a Arábia Saudita, Rússia ou outro produtor de petróleo - quase todos eles cleptodemocracias.