Motorista fazia direto no Facebook. Morreram nove pessoas

Ocupantes eram trabalhadores agrícolas de origem romena

Um acidente com uma carrinha que resultou na morte de nove pessoas - todos os ocupantes do veículo - aconteceu quando o motorista estava a transmitir a viagem em direto pelo Facebook.

A carrinha embateu contra um camião, na tarde desta terça-feira, na Hungria.

Quatro dos mortos tinham nacionalidade romena, de acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros da Hungria, que já está a prestar auxílio às famílias das vítimas.

Os outros cinco passageiros serão também romenos, de acordo com o Euronews, mas não existe ainda confirmação oficial.

Os oito ocupantes da carrinha e o motorista regressavam da Eslovénia, onde trabalhavam na agricultura sazonal.

Segundo a imprensa da Hungria, entre as vítimas estavam dois casais, um deles com seis filhos e o outro com três crianças menores.

Segundos antes do acidente a viagem ainda era transmitida em direto.

Exclusivos

Premium

Entrevista a Victor Ângelo

"Há uma competição muito grande entre os EUA e a China e vai agravar-se"

Victor Ângelo foi o mais alto funcionário português nas Nações Unidas, chegando ao nível de secretário-geral adjunto. Representou a organização em vários países de África e preocupa-o o futuro de um continente em que os jovens querem emigrar. Analisa o risco da crescente competição entre as grandes potências.

Premium

Crónica de Televisão

Os índices dos níveis da cadência da normalidade

À medida que o primeiro dia da crise energética se aproximava, várias dúvidas assaltavam o espírito de todos os portugueses. Os canais de notícias continuariam a ter meios para fazer directos em estações de serviço semidesertas? Os circuitos de distribuição de vox pop seriam afectados? A língua portuguesa resistiria ao ataque concertado de dezenas de repórteres exaustos - a misturar metáforas, mutilar lugares-comuns ou a começar cada frase com a palavra "efectivamente"?