20 mil raios atingem Reino Unido e levam a cancelamento de voos em Londres

Um dos raios deixou o sistema de abastecimento de combustível "avariado durante uma parte da manhã" no aeroporto de Stansted, em Londres

Os meteorologistas britânicos afirmaram hoje que uma forte tempestade com mais de 20.000 raios numa noite atingiu o Reino Unido, o que obrigou um aeroporto da área de Londres a cancelar voos.

O aeroporto de Stansted de Londres comunicou hoje que um dos raios deixou o sistema de abastecimento de combustível "avariado durante uma parte da manhã", pelo que os engenheiros estiveram no local e "já restabeleceram o sistema, podendo ainda haver atrasos de voos, desvios e cancelamentos".

O meteorologista Charlie Powell afirmou que "entre 15.000 a 20.000 raios" caíram em todo o Reino Unido durante a noite" e disse que a tempestade foi "muito violenta"

Uma vez que há um fim de semana alargado e que foi aproveitado pelas pessoas para tirarem umas curtas férias, a transportadora aérea de baixo custo Ryanair não conseguiu ainda dizer quantos voos foram afetados, embora alguns tenham sido cancelados.

O meteorologista Charlie Powell afirmou que "entre 15.000 a 20.000 raios" caíram em todo o Reino Unido durante a noite" e disse que a tempestade foi "muito violenta".

Ler mais

Exclusivos

Premium

DN Life

DN Life. «Não se trata o cancro ou as bactérias só com a mente. Eles estão a borrifar-se para o placebo»

O efeito placebo continua a gerar discussão entre a comunidade científica e médica. Um novo estudo sugere que há traços de personalidade mais suscetíveis de reagir com sucesso ao referido efeito. O reumatologista José António Pereira da Silva discorda da necessidade de definir personalidades favoráveis ao placebo e vai mais longe ao afirmar que "não há qualquer hipótese ética de usar o efeito placebo abertamente".