Comprou Nesquik mas levou para casa 13 mil euros em cocaína

Quantidade de cocaína comprada sem querer foi avaliada em 13 mil euros

Um homem encontrou em dezembro um pacote de 250 gramas de cocaína dentro de uma embalagem de Nesquik que tinha acabado de comprar num supermercado em Saragoça, Espanha. A cocaína, adquirida sem intenção durante as compras de Natal, tinha um valor de mercado de cerca de 13 mil euros.

A polícia espanhola garante que a embalagem não veio da fábrica com a droga e está a investigar quem poderá ter adulterado o pacote de chocolate em pó, no supermercado, antes de ele ser vendido. Até ao momento, ninguém foi detido.

Segundo o jornal local Heraldo, as autoridades estão a analisar as impressões digitais encontradas na embalagem e as câmaras de segurança da loja para detetar movimentos suspeitos de clientes e trabalhadores da loja.

O homem que comprou o Nesquik apenas desconfiou que o pacote de chocolate em pó tinha sido adulterado quando chegou a casa e reparou que a embalagem não estava devidamente fechada. Quando viu o pacote com um pó branco foi logo para a esquadra da polícia mais próxima com o recibo do supermercado na mão.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Nuno Artur Silva

Notícias da frente da guerra

Passaram cem anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Foi a data do Armistício assinado entre os Aliados e o Império Alemão e do cessar-fogo na Frente Ocidental. As hostilidades continuaram ainda em outras regiões. Duas décadas depois, começava a Segunda Guerra Mundial, "um conflito militar global (...) Marcado por um número significativo de ataques contra civis, incluindo o Holocausto e a única vez em que armas nucleares foram utilizadas em combate, foi o conflito mais letal da história da humanidade, resultando entre 50 e mais de 70 milhões de mortes" (Wikipédia).