Encontrada mensagem em garrafa com 132 anos

Casal australiano encontrou na praia uma garrafa de gin com uma mensagem, enviada ao mar em 1886 a partir de um navio alemão

É a mais antiga mensagem numa garrafa de que há registo, superando o anterior recorde que tinha 108 anos. Kym e Tonya Illman, um casal de fotógrafos australianos, encontrou em janeiro uma garrafa de gin, numa praia perto da sua residência no oeste daquele país, que se confirmou entretanto ter sido lançada ao mar por um navio alemão, em 1886, tendo percorrido mais de 900 quilómetros.

A mensagem, cuja autenticidade já foi confirmada pelo Observatório Naval da Alemanha, continha datas e coordenadas, tendo sido lançada pelo veleiro alemão Paula, como parte de um projeto científico destinado a estudar as correntes. Na altura a embarcação navegava no Oceano Índico, a 950 quilómetros de distância do local onde a mensagem viria a ser encontrada 132 anos depois.

Nessa missão científica foram enviadas milhares de garrafas com mensagens, tendo até agora - já contando com este achado - sido recuperadas 663.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

O Banco de Portugal está preso a uma história que tem de reconhecer para mudar

Tem custado ao Banco de Portugal adaptar-se ao quadro institucional decorrente da criação do euro. A melhor prova disso é a fraca capacidade de intervir no ordenamento do sistema bancário nacional. As necessárias decisões acontecem quase sempre tarde, de forma pouco consistente e com escasso escrutínio público. Como se pode alterar esta situação, dentro dos limites impostos pelas regras da zona euro, em que os bancos centrais nacionais respondem sobretudo ao BCE? A resposta é difícil, mas ajuda compreender e reconhecer melhor o problema.