Dono da Amazon e mulher chegam a acordo e batem recorde no valor de divórcio

Jeff Bezos mantém controlo da companhia mas a mulher, que leva 4% do total da companhia, fica com 31 mil milhões de euros.

Jeff Bezos é, atualmente, o homem mais rico do mundo, mas conheceu a mulher, MacKenzie, antes de ter fundado a empresa de comércio eletrónico Amazon. Separaram-se e com um acordo de divórcio recorde no valor de 35 mil milhões de dólares (31 mil milhões de euros).

De acordo com o acordo, Bezos fica com 75% das ações que o casal detinha no gigante do comércio eletrónico, o que lhe garante o controlo da empresa. O número de ações que a mulher recebe garante-lhe apenas 4% da companhia, mas tal equivale a 31 mil milhões de euros.

MacKenzie Bezos, 48 anos, aceitou abandonar as participações no jornal Washington Post e na empresa de viagens espaciais Blue Origin.

Este acordo supera o recorde anterior e que foi de quase dez vezes menos: 3,5 mil milhões de euros acordados entre o negociante de arte Alec Wilderstein e a mulher Jocelyn.

A futura ex-senhora Bezos fez o anúncio no Twitter, afirmando "estar grata por ter terminado o processo de dissolução do casamento e de terem um apoio um do outro" e acredita que o futuro vai ser promissor.

Jeff Bezos fez o mesmo, e ao mesmo tempo, elogiando a ex-mulher, "extraordinária companheira e mãe", "uma mulher brilhante".

Exclusivos