Detido antigo primeiro-ministro escocês. Estava a ser investigado por assédio sexual

Alex Salmond foi preso na noite de quarta-feira e comparecerá perante o juiz ainda esta quinta-feira. Governo escocês tinha feito investigação confidencial sobre alegações de abusos sexuais de duas mulheres.

O antigo primeiro-ministro escocês Alex Salmond foi preso na noite de quarta-feira e comparecerá perante o juiz ainda esta quinta-feira, confirmou a procuradoria escocesa.

Segundo o jornal britânico The Guardian , Salmond tem estado a ser investigado pela polícia escocesa após uma investigação confidencial do governo escocês sobre as alegações de duas mulheres de que o antigo governante as assediava sexualmente há vários anos. O governo escocês enviou o seu relatório final à polícia em agosto do ano passado.

Um porta-voz da polícia limitou-se a confirmar, de acordo como correspondente da Sky News: "Podemos confirmar que um homem de 64 anos foi detido e acusado e a informação foi remetida para a procuradoria."

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

O Banco de Portugal está preso a uma história que tem de reconhecer para mudar

Tem custado ao Banco de Portugal adaptar-se ao quadro institucional decorrente da criação do euro. A melhor prova disso é a fraca capacidade de intervir no ordenamento do sistema bancário nacional. As necessárias decisões acontecem quase sempre tarde, de forma pouco consistente e com escasso escrutínio público. Como se pode alterar esta situação, dentro dos limites impostos pelas regras da zona euro, em que os bancos centrais nacionais respondem sobretudo ao BCE? A resposta é difícil, mas ajuda compreender e reconhecer melhor o problema.