De que são feitos os heróis do voo United Airlines 93

O DVD de Voo 93 é vendido com o DN este domingo, dia 11, por mais 4,95 euros. Na sexta-feira, dia 16, 00:30 A Hora Negra acompanha a edição do jornal (pelo mesmo valor)

O voo 93 da United Airlines que saiu do aeroporto de Newark na manhã de 11 de setembro de 2001 ficou para a história. Porque foi uma das armas do ataque concertado feito aos EUA usando civis e aviões e porque seguiam a bordo homens e mulheres que impediram que atingisse o alvo.

Voo 93, realizado por Paul Greengrass em 2006, relata esta viagem que terminou com o Boeing 757 a despenhar-se em Shanksville, na Pensilvânia. Com uma tensão crescente, o relato de Greengrass foca-se no ambiente vivido a bordo do voo 93 da United Airlines, com os passageiros a aperceberem-se aos poucos do que se estava a passar dentro e fora do avião (ao telemóvel com familiares) e conseguindo organizar-se para dominar os sequestradores. Há um crescendo nesta história que, mesmo com o desfecho já conhecido, não deixa o espectador abandonar o ecrã. O voo não atinge o alvo visado pelos sequestradores - segundo a fotografia que acompanha o piloto, o Capitólio, em Washington - e despenha-se durante a luta heroica dos passageiros pelo controlo da aeronave.

É esse filme, nomeado para dois Óscares em 2007 (melhor realizador e montagem), que vai hoje ser vendido com o DN, por mais 4,95 euros.

Na próxima sexta-feira, dia 16, 00:30 A Hora Negra acompanha a edição do jornal (também por mais 4,95 euros). Uma outra evocação do 11 de Setembro, desta vez pela lente da cineasta norte-americana Kathryn Bigelow. A realizadora conta, com base no argumento de Marc Boal, a década de trabalho da elite de militares norte-americanos para capturar Osama bin Laden, o cabecilha dos atentados.

Com Jessica Chastain no papel de Maya, a agente da CIA que se destaca na investigação, 00:30 A Hora Negra mostra os interrogatórios violentos a suspeitos e termina com a sequência da operação que levou à morte do cabecilha dos ataques do 11 de Setembro às Torres Gémeas. Nomeado para cinco Óscares para a temporada de 2013 - entre os quais o de melhor argumento adaptado e melhor atriz principal -, 00:30 A Hora Negra ganhou apenas a estatueta para o som. O elenco conta ainda com Joel Edgerton, Chris Pratt e Reda Kateb.

Ler mais

Premium

João Gobern

País com poetas

Há muito para elogiar nos que, sem perspectivas de lucro imediato, de retorno garantido, de negócio fácil, sabem aproveitar - e reciclar - o património acumulado noutras eras. Ora, numa fase em que a Poesia se reergue, muitas vezes por vias "alternativas", de esquecimentos e atropelos, merece inteiro destaque a iniciativa da editora Valentim de Carvalho, que decidiu regressar, em edições "revistas e aumentadas", ao seu magnífico espólio de gravações de poetas. Originalmente, na colecção publicada entre 1959 e 1975, o desafio era grande - cabia aos autores a responsabilidade de dizerem as suas próprias criações, acabando por personalizá-las ainda mais, injectando sangue próprio às palavras que já antes tinham posto ao nosso dispor.