Corpos de 117 pessoas foram recuperados na costa da Líbia

Corpos começaram a ser recuperados depois da população ter informado a polícia sobre a presença dos cadáveres

Pelo menos 117 cadáveres de migrantes foram encontrados na costa da Líbia, na localidade de Zuara, a 120 quilómetros a oeste da capital, Trípoli, revelou hoje o Crescente Vermelho desta povoação na sua conta no Facebook.

O porta-voz da mesma organização humanitária na Líbia, Al kamis al Bossaifi, confirmou também à agência espanhola EFE a contabilização de 85 cadáveres, ainda que possa haver mais mortos.

O Crescente Vermelho disse ainda que os corpos começaram a ser recuperados depois da população ter informado a polícia sobre a presença dos cadáveres, uma operação que decorreu durante o dia de quinta-feira.

A organização publicou várias fotografias do resgate numa praia. Não foram fornecidos quaisquer dados sobre a identidade dos cadáveres, incluindo idade, sexo ou nacionalidade.

Muitos milhares de pessoas provenientes de vários países africanos escolhem a Líbia como ponto de partida para a Europa, através do Mediterrâneo, em embarcações muito precárias.

De acordo com as Nações Unidas, 2.510 pessoas saídas da Líbia ou da Turquia morreram desde o início do ano na travessia.