Moeda brasileira desvaloriza para mínimos históricos

A moeda brasileira transacionou na quinta-feira ao nível mais baixo desde que foi colocada em circulação, em 1994, cotando a 4,197 reais para um dólar no fecho da sessão, devido à incerteza relacionada com as eleições presidenciais.

Desde o início do ano, a moeda brasileira já desvalorizou 21,06% em relação ao dólar.

O anterior recorde remonta a 21 de janeiro de 2016, quando o dólar esteve cotado a 4,166 reais no fecho.

Durante o dia de quinta-feira, o dólar subiu para 4,204 reais, perto do até agora mínimo histórico de 4,249 reais, datado de setembro de 2015.

O mercado bolsista de São Paulo também caiu 0,58% no fecho.

A eleição presidencial de 07 de outubro, já apresentada há meses como a mais incerta da história recente do Brasil, ganhou uma nova repercussão na semana passada, com o ataque contra o candidato de extrema-direita, Jair Bolsonaro, que lidera as intenções de voto na primeira volta.

Hospitalizado em estado grave, o candidato foi submetido a uma nova cirurgia de urgência na noite de quarta-feira, devido a complicações pós-operatórias, o que pode prolongar a sua ausência da campanha até a data da eleição.

Ler mais

Exclusivos