Bomba explode junto a tribunal de Atenas sem causar vítimas

Embora a autoria do ataque seja desconhecida, um jornal recebeu uma chamada telefónica de advertência 40 minutos antes do incidente

Uma bomba explodiu, esta madrugada, junto ao Tribunal de Recurso de Atenas sem provocar vítimas, informou a polícia grega, dando conta de significativos danos materiais.

O engenho explodiu por volta das 03:25 (01:25 em Lisboa), desconhecendo-se, de momento, a autoria do ataque. Não obstante, 40 minutos antes um jornal recebeu uma chamada telefónica de advertência.

No telefonema em causa uma pessoa apelou para que se procedesse à evacuação do tribunal e do prédio contíguo, afirmando que não se tratava de uma brincadeira.

A explosão causou inúmeros danos na fachada do edifício do tribunal, com vidros a partirem-se nos arredores.

Segundo as primeiras informações, citadas pelos 'media' locais, o engenho explosivo, com temporizador, estava numa mochila que foi depositada no local por duas pessoas que fugiram de moto.

Um forte dispositivo policial isolou a área que ficou cortada ao trânsito.

A brigada antiterrorismo assumiu a investigação do caso, assinalou um porta-voz policial citado pela agência de notícias espanhola Efe.

Em 20 de abril, um engenho explosivo idêntico foi detonado junto a uma sucursal de Eurobank, no centro de Atenas.

Este tipo de ataques, que visam apenas provocar danos materiais e não pessoais, têm acontecido com regularidade nos últimos anos na Grécia, sendo a sua autoria frequentemente reivindicada por membros de grupos ou movimentos anarquistas.

Exclusivos

Premium

Leonídio Paulo Ferreira

Nuclear: quem tem, quem deixou de ter e quem quer

Guerrilha comunista na Grécia, bloqueio soviético de Berlim Ocidental ou Guerra da Coreia são alguns dos acontecimentos possíveis para datar o início da Guerra Fria, que alguns até fazem remontar à partilha da Europa em esferas de influência por Churchill e Estaline ainda o nazismo não tinha sido derrotado. Mas talvez 29 de agosto de 1949, faz agora 70 anos, seja a melhor opção, afinal nesse dia a União Soviética fez explodir a sua primeira bomba atómica e o monopólio da arma pelos Estados Unidos desapareceu. Sim, foi o teste em Semipalatinsk que estabeleceu o tal equilíbrio do terror, primeiro atómico e depois nuclear, que obrigou as duas superpotências a desistirem de uma Guerra Quente.