Balão gigante de Trump bebé vai circular em Londres

Iniciativa de um grupo ativistas pretende gozar com o presidente dos EUA que visita a capital inglesa na próxima semana

Um balão gigante com a figura de um Donald Trump bebé, de fraldas e de telemóvel na mão, irá circular junto ao Parlamento britânico a 13 de julho, dia em que o presidente dos Estados Unidos da América estará de visita a Londres. A autorização já foi concedida pela Câmara de Londres, presidida pelo trabalhista Sadiq Khan.

A iniciativa de protesto partiu de um grupo de ativistas que realizou uma angariação de fundos para criar o balão. Conseguiram amealhar 18 mil euros e iniciaram uma petição para que fosse autorizada a sua colocação no ar, o que terá convencido o autarca londrino.

Leo Murray, um dos elementos do grupo ativista que se diz antifascista, explicou à BBC que a ideia é mesmo chatear Trump. "Ele parece odiar quando as pessoas gozam com ele. Então, quando visitar o Reino Unido, queremos ter certeza de que fica a saber que toda a Grã-Bretanha está a rir dele", disse.

O balão tem seis metros de altura e será dirigido por uma equipa de profissionais que trabalha habitualmente com insufláveis. Leo Murray admitiu que a Câmara de Londres resistiu a autorizar, mas acabou por ser convencida pelo humor.

A Câmara acabou por fazer uma declaração em que diz "apoiar o direito a um protesto pacífico e entender que isto pode ser feito de muitas formas. Sadiq Khan deu então autorização para que a Parliamente Square garden seja a base de lançamento do balão.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...