Avião despenha-se em Mumbai e faz pelo menos cinco mortos

O acidente ocorreu esta quinta-feira em Ghatkopar

Cinco pessoas morreram hoje na queda de um avião fretado numa zona movimentada de Mumbai, disse o porta-voz da polícia da capital financeira da Índia.

"Cinco pessoas morreram dos ferimentos após o avião se despenhar, entre os quais um piloto, três passageiros e um peão", disse o porta-voz à agência francesa AFP.

O aparelho, de 12 lugares, transportava apenas quatro pessoas e despenhou-se pouco depois das 13:30 (09:00 em Lisboa).

O aparelho pertencia ao Governo local do grande estado indiano de Uttar Pradesh (norte), segundo os media locais.

Imagens partilhadas nas redes sociais mostram um incêndio no meio de prédios em construção.

O acidente ocorreu esta quinta-feira na zona movimentada de Ghatkopar.

"As nossas equipas extinguiram o fogo e estão em curso operações de socorro", disse à AFP o diretor dos bombeiros de Mumbai.

As imagens de televisão mostram partes do aparelho em chamas no chão.

A televisão India Today diz que o avião se despenhou quando se preparava para aterrar na cidade, de quase 20 milhões de habitantes.

Exclusivos

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

Uma opinião sustentável

De um ponto de vista global e a nível histórico, poucos conceitos têm sido tão úteis e operativos como o do desenvolvimento sustentável. Trouxe-nos a noção do sistémico, no sentido em que cimentou a ideia de que as ações, individuais ou em grupo, têm reflexo no conjunto de todos. Semeou também a consciência do "sustentável" como algo capaz de suprir as necessidades do presente sem comprometer o futuro do planeta. Na sequência, surgiu também o pressuposto de que a diversidade cultural é tão importante como a biodiversidade e, hoje, a pobreza no mundo, a inclusão, a demografia e a migração entram na ordem do dia da discussão mundial.