Maior apreensão de sempre de cocaína em Espanha: 8,7 toneladas

Droga estava escondida em contentores de banana provenientes da Colômbia

O Ministério do Interior espanhol anunciou hoje a apreensão de 8,7 toneladas de cocaína que estavam escondidas em contentores de banana no porto de Algeciras, "a maior da história do narcotráfico" em Espanha e uma das maiores na Europa.

A droga, que estava escondida em contentores provenientes da Colômbia, foi apreendida no domingo no porto de Algeciras, em Cádis, refere o ministério, anunciando que seis pessoas foram detidas, entre as quais dois empresários e um guarda civil,

Em conferência de imprensa, o ministro do Interior, Juan Ignacio Zoido, explicou que os investigadores estavam a acompanhar um "despacho suspeito" de três contentores carregados com bananas que viajavam num navio da Colômbia.

Ao chegar ao porto de Algeciras, os três contentores foram revistados e num deles foram encontrados 8.740 quilos de cocaína.

Esta apreensão ocorre quatro meses depois de terem sido apreendidas cerca de seis toneladas de cocaína no mesmo porto.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...