Apple apaga podcasts do rei das conspirações norte-americano

Maioria dos programas de Alex Jones foram retirados do iTunes

Alex Jones, o rei das teorias da conspiração norte-americano e fundador do site Infowars, viu a maioria dos seus podcasts retirados do serviço de audio da Apple.

Esta é a mais recente medida de ataque às publicações de Alex Jones, que recentemente viu o Facebook apagar os vídeos dos seus programas e outros sites a suspenderem ou removerem os seus conteúdos, racistas ou xenófobos. A Apple explicou, refere a Reuters, que retirou cinco dos seis podcasts do Infowars incluindo os episódios "War Room" e o programa diário "The Alex Jones Show".

O único programa que ainda está disponível nesta plataforma do Infowars é o "RealNwes with David Knight".

O Spotify já removido alguns dos episódios de Alex Jones na semana passada. "Levamos muito a sério as denúncias de conteúdo de ódio e revimos todos os podcasts ou canções denunciados pela nossa comunidade", referiu no domingo a empresa de streaming. "O Spotify pode confirmar que removeu episódios específicos do 'The Alex Jones Show' por violar a nossa política contra conteúdos de ódio racial."

O Infowars foi fundado em 1999 e desde então tem defendido teorias como a de que o 11 de Setembro foi encenado pelo governo. Tal como a teoria de que o massacre de Sandy Hook foi forjado pela extrema-esquerda, o que já o levou a ser processo por pais de algumas das 26 crianças mortas no tiroteio.

Ler mais

Exclusivos