Anomalia na rede de gás provoca explosões em mais de 20 casas nos EUA

A polícia estadual do Massachusetts apelou às pessoas para fecharem as torneiras de segurança e abandonarem as suas residências

Uma anomalia na rede de gás das cidades norte-americanas de Lawrence, Andover e North Andover, no estado de Massachusetts, provocou esta quinta-feira incêndios e explosões em várias casas.

Segundo a políca estadual, o problema tem origem no rebentamento de uma conduta de gás de alta pressão. Este incidente fez mesmo que apelassem aos habitantes da cidade para que fechassem as torneiras de segurança e abandonassem as suas residências.

"As condutas do gás estão a ser despressurizadas pela companhia, algo que irá levar algum tempo", esclareceu a polícia através do Twitter, rede onde começaram de imediato a surgir várias imagens dos incidentes, inclusive através da imprensa local.

Os bombeiros foram chamados a 39 moradas das três cidades, tendo a polícia admitido que o número pudesse aumentar com o passar do tempo, acrescentando que já está a decorrer uma investigação para apurar o que causou estas explosões.

A polícia estadual tem estado a atualizar na sua conta de Twitter as residências afetadas pelos incêndios ou explosões causados por esta anomalia da rede de gás, da empresa Columbia, reforçando os pedidos para deixarem as suas casas.

Ler mais

Exclusivos

Premium

nuno camarneiro

Uma aldeia no centro da cidade

Os vizinhos conhecem-se pelos nomes, cultivam hortas e jardins comunitários, trocam móveis a que já não dão uso, organizam almoços, jogos de futebol e até magustos, como aconteceu no sábado passado. Não estou a descrever uma aldeia do Minho ou da Beira Baixa, tampouco uma comunidade hippie perdida na serra da Lousã, tudo isto acontece em plena Lisboa, numa rua com escadinhas que pertence ao Bairro dos Anjos.

Premium

Rui Pedro Tendinha

O João. Outra vez, o João Salaviza...

Foi neste fim de semana. Um fim de semana em que o cinema português foi notícia e ninguém reparou. Entre ex-presidentes de futebol a serem presos e desmentidos de fake news, parece que a vitória de Chuva É Cantoria na Aldeia dos Mortos, de Renée Nader Messora e João Salaviza, no Festival do Rio, e o anúncio da nomeação de Diamantino, de Daniel Schmidt e Gabriel Abrantes, nos European Film Awards, não deixou o espaço mediático curioso.