Dez feridos em carnaval caribenho em Manchester

As forças de segurança foram chamadas ao local pelas 2.30

Catarina Reis
Autoridades garantem que nenhum dos feridos corre perigo de vida.©  EPA/DARREN ENGLAND AUSTRALIA AND NEW ZEALAND OUT

Dez pessoas ficaram feridas, aparentemente após um tiroteio, esta madrugada, em Manchester, Inglaterra, durante a celebração de um carnaval caribenho.

As forças de segurança foram chamadas ao local pelas 2.30 e, quando chegaram a Claremont Road, em Moss Side, no sul da cidade, depararam-se com várias pessoas feridas. As vítimas sofreram ferimentos entre o ligeiro e o grave, mas que não colocam a sua vida em perigo.

Várias pessoas estavam presentes no local onde decorreu um carnaval das Caraíbas que veio a terminar horas mais tarde, segundo as autoridades.

"Aqueles que vivem ou visitam esta zona estão, compreensivelmente preocupados por estes incidentes, pelo que vamos deslocar mais agentes para patrulhar a zona durante a manhã de domingo e os próximos dias", indicou a superintendente Debbie Dooley, em comunicado.

A polícia acrescentou ainda que irá ser "investigado onde o incidente ocorreu e quem é responsável pelo ataque".

A cidade de Manchester sofreu um atentado a 22 de maio de 2017, realizado por um britânico de origem libanesa, de 22 anos, que fez explodir um engenho à saída de um concerto da cantora norte-americana Ariana Grande, no Manchester Arena.

Na altura, 22 pessoas morreram no atentando e uma centena ficou ferida. A vítima mais jovem, Saffie Roussos, tinha oito anos.