Merkel vai negociar com SPD, liberais e Verdes

A chanceler alemã, Angela Merkel

A União Democrata-Cristã, de Merkel, venceu as legislativas de domingo, mas sem maioria, o que a obrigará a negociações para uma coligação

A chanceler alemã, Angela Merkel, que venceu as legislativas de domingo sem maioria, afirmou esta segunda-feira que vai manter conversações para uma coligação com o Partido Liberal (FDP), os Verdes e o Partido Social-Democrata (SPD).

Merkel, que falava numa conferência de imprensa em Berlim, frisou que a Alemanha precisa de um Governo estável e que essa também é uma responsabilidade dos outros partidos.

"Vamos naturalmente iniciar conversações com o FDP e com o partido Verde, mas devo acrescentar que também com o SPD", disse a chanceler.

"Todos os partidos que, do nosso ponto de vista, são potenciais parceiros de coligação têm a responsabilidade de formar um Governo estável", acrescentou.

A União Democrata-Cristã (CDU) de Merkel, no poder há 12 anos, venceu as legislativas de domingo, mas sem maioria, o que a obrigará a negociações para uma coligação.

Martin Schulz, líder do SPD, parceiro de coligação da CDU nos últimos quatro anos, afirmou no domingo que não pretende coligar-se com a CDU, ficando nos próximos quatro anos como maior partido da oposição.

"Eu ouvi o SPD, mas a nossa opinião é que de qualquer modo devemos manter o contacto e as conversações", disse Merkel.

A chanceler disse não poder prever quando estará em condições de formar Governo, mas assegurou que a Alemanha "não é o caso mais urgente" na Europa, apontando a Holanda, que seis meses depois das legislativas continua sem Governo.

"Assegurarei aos meus colegas que a Alemanha vai agir com responsabilidade nesta fase de transição", disse.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub