Advogado de Trump confirma que pagou do seu bolso 130 mil dólares a atriz porno

Trump e Melania

Stormy Daniels diz que terá tido em 2006 um encontro sexual com o agora presidente norte-americano

O advogado de Donald Trump confirmou hoje que pagou do seu bolso 130 mil dólares a uma atriz pornográfica que terá tido em 2006 um encontro sexual com o magnata norte-americano, noticiou o The New York Times.

Num comunicado enviado ao jornal, o advogado Michael D. Cohen garante que não foi reembolsado por Trump pelo valor pago a Stephanie Clifford, conhecida na indústria da pornografia pelo nome de Stormy Daniels.

"Nem a organização Trump, nem a campanha de Trump não tomaram parte na transação com Clifford, e nem uma nem a outra reembolsaram este valor, direta ou indiretamente", afirmou o advogado.

O pagamento era legal, disse Cohen, que não especificou os motivos da entrega do dinheiro, de acordo com o NYT, citado pela AFP.

As declarações do advogado surgem depois de alegações de que o atual presidente dos EUA terá pagado 130 mil dólares (cerca de 105 mil euros) para silenciar a antiga atriz porno.

Esta confirmação poderá relançar as especulações sobre o estado da relação de Trump com a mulher, Melania, que anulou em janeiro uma viagem a Davos, na Suíça. O presidente norte-americano viajou sozinho, depois de terem surgido as notícias da alegada relação com a atriz no Wall Street Journal. Na altura, Trump já era casado com Melania. O filho de ambos nasceria, Baron, nasceu quatro meses depois.

Na altura, a Casa Branca desmentiu qualquer encontro de caráter sexual entre Trump e Stormy Daniels.

Relacionadas

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub