Incêndio no Bronx foi causado por brincadeira de criança

Um menino de três anos a brincar com um fogão poderá estar na origem do fogo que provocou a morte a 12 pessoas

Investigadores acreditam que o incêndio mais mortal de Nova Iorque em 25 anos e que causou 12 mortos, incluindo quatro crianças, num edifício de apartamentos no Bronx, foi causado por um menino de três anos que estava a brincar com o fogão.

A criança pode ter começado acidentalmente o fogo, disse o comissário da polícia Daniel Nigro, citado pela BBC.

Quando a mãe da criança fugiu, assustada com as chamas, terá deixado a porta aberta, o que permitiu que estas invadisse o hall, acrescentou a mesma fonte.

A escada atuou então "como uma chaminé" e permitiu que o fogo se espalhasse rapidamente para cima.

O autarca democrata Bill de Blasio, afirmou, numa declaração à imprensa no local do incêndio, que esta é a pior tragédia a que aquele bairro, Bronx, assiste e o incêndio mais mortal em Nova Iorque nos últimos 25 anos.

Além das 12 vítimas mortais, pelo menos quatro residentes do prédio com ferimentos graves estavam a lutar pelas suas vidas.

Exclusivos