França. Homem que se barricou num museu foi detido

Antes de se barricar em Saint-Raphaël, o homem escreveu em árabe numa parede: "O museu vai ser um inferno." Zona foi isolada pela polícia.

Um homem barricou-se esta quarta-feira de manhã num museu de Saint-Raphaël, no sudeste de França. De acordo com a Reuters, a polícia já deteve o indivíduo, cuja identidade não foi revelada. Não há feridos a registar.

Segundo os órgãos de comunicação social franceses, o homem, cujas motivações se desconhecem, terá escrito em árabe num dos muros exteriores do museu a seguinte frase: "O museu vai ser um inferno."

Alertados pelas 07:30 (06:30 em Lisboa), os polícias enviados para o local não precisaram se as pessoas no interior estavam ou não armadas ou se tomaram reféns.

De acordo com o site 20 Minutes, que cita fonte próxima da investigação, no momento da detenção o homem não tinha um discurso coerente e não tinha na sua posse armas.

As autoridades ainda se encontram no interior do edifício para apurar se existe um segundo suspeito.

Classificado como monumento histórico, o museu, no centro da zona antiga de Saint-Raphaël, estende-se por uma área de exposição de 800 metros quadrados.

Atualizado às 11:23

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG