Homem apalpa mulher cinco vezes: "Tive de o fazer"

Jesse Ratu, 24 anos, estava a chegar a casa depois de uma caminhada matinal. Homem já foi acusado de agressão sexual

"Desculpa. Tive de o fazer, tens o melhor rabo": estas terão sido as palavras de um homem de 40 anos que terá apalpado Jesse Ratu à porta de casa desta, nos subúrbios de Gold Coast, Queensland, na Austrália.

Ratu, 24 anos, mãe de dois filhos, regressava ao prédio depois de uma caminhada matinal no domingo, dia 14 de janeiro, quando um homem se chegou demasiado perto e lhe deu "palmadas" no rabo. A situação foi filmada pelas câmaras de vigilância colocadas nas imediações.

"Eu conseguia ver pelo reflexo que ele estava a andar depressa na minha direção e fiquei um pouco assustada, para ser honesta", referiu, citada pelo portal australiano News.com.au.

Quando finalmente se apercebeu do que tinha acontecido, Ratu gritou-lhe: "Eu acho que disse algo como, 'não me toques'", continuou, segundo o News.com.au. E foi então que o homem justificou aquilo que fez, dizendo que não conseguiu evitar: "Desculpa. Tive de o fazer, tens o melhor rabo"

Jesse Ratu não tardou a fechar-se dentro do apartamento e a contar, em lágrimas, ao namorado o que tinha acontecido.

Brendan Wilson, companheiro de Ratu, procurou o homem nas ruas durante mais de 20 minutos, sem sucesso. De seguida, ligaram para a polícia e apresentaram queixa.

A alegada vítima referiu que não se sente segura para continuar a viver no mesmo apartamento, cujo arrendamento está prestes a expirar.

O homem acabou por se entregar às autoridades, ontem, dia 16, à tarde, e foi acusado em dois casos de agressão sexual. O primeiro terá sido há cerca de um ano, a outra mulher, em Hollywell, Queensland, enquanto esta corria.

A audiência está marcada para o dia 6 de fevereiro.

Exclusivos