Guarda morto por tigre branco em jardim zoológico japonês

Homem de 40 anos foi encontrado ensanguentado na jaula do animal.

Um funcionário do jardim zoológico de Hirakawa, no sul do Japão, morreu na segunda-feira depois de ter sido atacado por um tigre branco, anunciaram esta terça-feira as autoridades locais.

O guarda, de 40 anos, foi encontrado "com sangue no pescoço na jaula do animal", disse o chefe das autoridades à agência noticiosa France Presse (AFP).

Os tratadores atuaram rapidamente, cercaram o local e neutralizaram à distância o tigre branco com uma injeção hipodérmica tranquilizante, explicou o jardim zoológico.

De acordo com o comunicado, o guarda ainda foi transportado para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

O jardim zoológico de Hirakawa, em Kagoshima, é o único na ilha de Kyushu com 900 animais de 141 espécies diferentes e o lar de mais três tigres brancos em vias de extinção.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG