França. Sete detidos por ligações terroristas em agosto. Três planeavam ataques

Autoridades francesas fizeram na primeira metade de 2016 tantas detenções por ligações a grupos terroristas quanto em todo o ano de 2015

Sete pessoas com ligações a redes terroristas foram detidas em França só no mês de agosto, revelou esta terça-feira o ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve. Segundo a AFP, destas sete, três planeavam atentados.

Em conferência de imprensa, e sem acrescentar outros detalhes, o governante referiu que as autoridades fizeram na primeira metade de 2016 tantas detenções por ligações a grupos terroristas quanto em todo o ano de 2015.

Cazeneuve esteve esta terça-feira reunido com o homólogo alemão, Thomas de Maiziére, e ambos pediram à União Europeia que considere medidas legais contra os operadores de serviços de mensagens encriptadas, como o Telegram.

No início de agosto, uma adolescente de 16 anos oriunda de um subúrbio de Paris foi detida sob a acusação de planear um atentado e era administradora de um grupo nesta mesma aplicação que foi usada, por exemplo, pelos dois 'jihadistas' que mataram um padre na Normandia no passado mês de julho.

O ministro do Interior francês defendeu que a legislação a aprovar por Bruxelas permitiria impor "obrigações" sobre os operadores que se recusem a colaborar com as autoridades, nomeadamente para removerem conteúdos ilegais ou desencriptarem mensagens que sejam parte de uma investigação.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG