Ex-Presidente argentino Carlos Menem volta a casar com ex-mulher aos 90 anos

O antigo Presidente argentino Carlos Menem, que governou de 1989 a 1999, vai voltar a casar com a ex-mulher, Zulema Yoma, 30 anos após o divórcio, anunciou o advogado Dario d'Alessandro.

Senador desde 2005, Carlos Menem celebrou o 90.º aniversário em 2 de julho, depois de ter estado hospitalizado em junho durante 15 dias, devido a uma pneumonia.

"Carlos Menem vai casar-se na próxima semana com Zulema Yoma", disse o advogado, na quinta-feira, no programa de televisão America's TN Show, citado pela agência de notícias France-Presse (AFP).

A cerimónia vai realizar-se em casa "porque [Menem] tem 90 anos e teve um problema de saúde", acrescentou o advogado.

O casamento entre Menem e Yoma, que tiveram dois filhos juntos, Carlos Júnior, morto num acidente de helicóptero, em 1995, e Zulemita, chegou ao fim em 1990, quando o então Presidente da Argentina expulsou a mulher da residência oficial, provocando um escândalo no país.

A notícia divulgada pelo advogado coincidiu com o anúncio do casamento da segunda mulher de Carlos Menem, a antiga Miss Universo chilena Cecilia Bolocco, com o empresário chileno José "Pepo" Daire.

O antigo Presidente casou-se com a também apresentadora de televisão, com quem teve um filho, aos 72 anos, em maio de 2001.

Menem foi acusado de estar envolvido numa operação ilegal de venda de armas em junho de 2001, pouco depois de se casar com Cecília Bolocco.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG