Recorde. Diamante azul vendido por 40 milhões de euros

Foi o "preço mais alto por quilate" alguma vez conseguido por um diamante

O "Blue Moon", um diamante azul com cerca de 12,03 quilates, foi vendido quarta-feira à noite pela leiloeira Sotheby's, em Genebra, por um preço recorde de 43,2 milhões de francos suíços (cerca de 40 milhões de euros).

O comprador foi o magnata do imobiliário de Hong Kong Joseph Lau, que o rebatizou, de imediato, de "Blue Moon of Josephine", em homenagem à sua filha de sete anos.

Na véspera, o milionário da antiga colónia britânica havia desembolsado 28,5 milhões de dólares (26,5 milhões de euros) por um raro diamante cor-de-rosa, de 16,08 quilates -- o maior do seu tipo a ir a leilão -- da casa rival Christie's, que nomeou de "Sweet Josephine".

Uma porta-voz de Joseph Lau, em Hong Kong, confirmou ambas as adquisições à agência AFP.

Segundo o leiloeiro David Bennett, aquele foi o "preço mais alto por quilate" alguma vez conseguido por aquele tipo de pedra preciosa.

Antes de ser vendido, o preço do diamante estava estimado entre os 33 e os 55 milhões de dólares (entre os 30 e os 51 milhões de euros).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG