Cinco horas depois do anúncio, Sánchez e Iglesias são estrelas dos 'memes'

O acordo entre PSOE e Unidas Podemos selado com um abraço entre Pedro Sánchez e Pablo Iglesias está a emocionar e divertir Espanha.

"Fuck Vox". Duas palavras de Rosalía e tudo mudou. Ou, pelo menos é esse o poder que alguns espanhóis, e este título do El Pais, querem atribuir à mais popular e requisitada cantora espanhola do momento. Menos de 24 depois, Pedro Sánchez e Pablo Iglesias anunciavam o acordo de governo entre PSOE e Unidas Podemos.

Esta terça-feira, menos de 24 horas depois de Rosalía ter postado a famosa frase, e antes de Espanha sair para almoçar, cerca das 14:00, o acordo produzia-se. Esta tarde, Twitter e demais redes sociais começavam a encher-se de 'memes'.

Primeiro, a rapidez deste acordo, dois dias após as eleições, por oposição ao fracasso das últimas eleições. Ou, como diz Javier Durán, "quando tens seis meses para fazer um trabalho e fazes tudo a correr na noite anterior a ter que o apresentar".

Mas o abraço, aquele abraço sentido entre os dois líderes políticos, recebido pelos jornalistas com um "ooooohhhh" (e até um assobio), que tem sido o protagonista (ao 1:18 no vídeo).

Há as comparações com os Simpson, "o dos melhores amigos que se acabam de conhecer num after às 08:00 da manhã" ou o do pedido de desculpa: "Meu, desculpa, disse a quem. Sabes que te adoro".

Ou, aquele que lembra o beijo entre Leonid Brezhnev e Erich Honecker.

E, também, aquele que lembra frases antigas de Pedro Sánchez. "Em abril: não podia dormir com Podemos no governo".

Exclusivos