Catalunha: um morto e três feridos graves numa rixa em Badalona

Batalha campal no domingo entre 30 pessoas provocou a morte de um homem, deixou três feridos graves e levou à detenção de nove indivíduos, na cidade catalã. Apreendidas facas, machados, machetes e tacos de basebol.

Uma batalha campal no domingo entre 30 pessoas provocou a morte de um homem, deixou três feridos graves e levou à detenção de nove indivíduos, na cidade catalã de Badalona, Espanha, segundo o jornal El Mundo. Foram apreendidas facas, machados, machetes e tacos de basebol.

De acordo com este diário, a polícia catalã, os Mossos d'Esquadra, estão a investigar a morte do homem de nacionalidade paquistanesa no distrito de Salut, em Badalona.

Os confrontos ocorreram pelas 21.00 de domingo, nas imediações de uma estação de metropolitano. No metro de Gorg, o homem sofreu ferimentos que lhe custaram a vida, confirmaram os serviços de saúde, que já nada puderam fazer quando lhe prestavam assistência. A polícia diz que há mais três feridos graves nos incidentes.

Depois de receberem o alerta, os indivíduos fugiram para o interior da estação de metro, principalmente paquistaneses.

O ministro do Interior do Governo catalão, Miquel Buch, explicou em entrevista à rádio RAC1 que a luta responderia a um ajuste de contas entre dois grupos. Já fontes policiais confirmaram ao jornal El Mundo que o confronto foi causado pelo controlo do tráfico de droga na área.

Num momento de grandes tensões entre os executivos de Madrid e Barcelona, o ministro aproveitou para acusar "o Estado espanhol" e pedir um endurecimento do Código Penal, que, segundo Miquel Buch, é "muito relaxado", ajudando a transformar o território nacional "num lugar interessante para cultivar e vender substâncias entorpecentes".

Segundo o El Mundo, a Guarda Urbana de Badalona prendeu nove pessoas de nacionalidade paquistanesa relacionadas com a luta. Os Mossos assumiram a investigação.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG