Boris Johnson vence terceiro voto para líder dos conservadores

Boris Johnson venceu a terceira volta de votações na escolha do futuro líder do Partido Conservador

Boris Johnson saiu vencedor da terceira volta de votações na escolha do futuro líder do Partido Conservador. Obteve 143 votos dos 313 deputados conservadores. Não houve nenhum voto nulo. Sozinho, o ex-jornalista conseguiu o mesmo número de votos do que os três outros candidatos que agora continuam na corrida à liderança dos Tories.

Em segundo lugar ficou Jeremy Hunt, atual ministro dos Negócios Estrangeiros, com 54 votos, seguido de Michael Gove, atual ministro do Ambiente britânico, com 51 votos, de Sajid Javid, atual ministro do Interior, com 38 votos, do Rory Stewart, atual ministro do Desenvolvimento Internacional, com 27 votos. Este último foi eliminado. E poderá agora apoiar Gove numa frente contra o ex-chefe da diplomacia de Theresa May e brexiteer radical.

Na votação desta quarta-feira foi eliminado o candidato com menos votos independentemente da percentagem atingida. Por fim, na quinta-feira, decorre uma série de votações até ficarem apenas dois candidatos. Se um deles não desistir a favor do outro, como aconteceu quando Theresa May ascendeu à liderança, o voto é alargado aos militantes do Partido Conservador. A partir de dia 22, os cerca de 160 mil membros dos Torues devem receber um boletim de voto, que terão de enviar pelo correio até 22 de julho. O vencedor será anunciado nos dias seguintes. E o N.º 10 de Downing Street terá novo inquilino. À sua espera o dossiê explosivo do Brexit que, segundo a última extensão do Artigo 50.º, deve acontecer até dia 31 de outubro.

Na segunda volta, que aconteceu na terça-feira, os resultados foram os seguintes:
Boris Johnson - 126 votos
Jeremy Hunt - 46 votos
Michael Gove - 41 votos
Rory Stewart - 37 votos
Sajid Javid - 33 votos
Dominic Raab - 30 votos
Este último não obteve os 10% exigidos e ficou de fora. Já apoiou, entretanto, o ex-ministro dos Negócios Estrangeiros de Theresa May e defensor de uma saída, com ou sem acordo, do Reino Unido da UE.

Na primeira volta, há seis dias, os resultados foram os seguintes:
Boris Johnson - 114 votos
Jeremy Hunt - 43 votos
Michael Gove - 37 votos
Dominic Raab - 27 votos
Sajid Javid - 23 votos
Matt Hancock - 20 votos
Rory Stewart - 19 votos
Andrea Leadsom - 11 votos
Mark Harper - 10 votos
Esther McVey - 9 votos
Estes três últimos foram eliminados por não terem atingido o mínimo de votos necessário.

Entre os resultados da primeira e da segunda volta o destaque foi para a subida do ministro do Desenvolvimento Internacional. O diplomata Rory Stewart, com um discurso moderado, pode ser o outsider a congregar apoios contra Boris Johnson. Esta quarta-feira, o candidato confirmou estar em conversações com o candidato Michael Gove, no sentido de formar uma possível aliança. "Estamos a discutir uma combinação de forças porque está claro que o Boris vai até ao fim. A questão agora é saber quem vai estar na melhor posição para ficar frente-a-frente com Boris e fazer as perguntas que são necessárias", declarou Rory Stewart, deputado eleito pela circunscrição de Penrith and the Border, à BBC.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG