Polícia deteve suspeito de fazer reféns na principal estação de comboios de Colónia

Incidente levou ao encerramento da estação e zonas limítrofes, bem como à paragem da circulação ferroviária em várias linhas.

A polícia de Colónia deteve um suspeito de ter feito esta segunda-feira pelo menos um refém no interior da principal estação de comboios de Colónia.

"Neste momento não podemos confirmar se houve tiros ou mortes" na operação, em que pelo menos uma mulher terá sido feita refém, adiantou uma porta-voz da polícia.

O incidente terá ocorrido na farmácia ou num restaurante no interior daquela estação ferroviária, próxima da catedral de Colónia e uma das maiores da Alemanha.

A polícia conseguiu entrar em contacto com o suspeito quando este estava na farmácia

A situação ocorreu cerca das 12:45 locais (11:45 em Lisboa), indicou o oficial da polícia Christoph Schulte, citado pela agência AP.

A polícia encerrou partes da estação e apelou às pessoas para evitarem a zona, também bloqueada.

A circulação ferroviária também foi suspensa nalgumas linhas daquela que é uma das maiores estações de comboios da Alemanha - país que está em elevado estado de alerta desde que há dois anos ocorreu um atentado terrorista com um camião roubado em Berlim.

Notícia atualizada às 14:25

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG