Trump pede a quatro empresas projetos para o muro com México

Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos escolheu quatro empresas de construção para apresentarem protótipos

Após meses de atrasos, o Departamento de Segurança Interna anunciou na quinta-feira a selecão de quatro empresas para construírem outros tantos protótipos para o muro da fronteira EUA-México prometida pelo presidente Donald Trump. As empresas são originárias de quatro estados diferentes: Alabama, Arizona, Mississípi e Texas.

O anúncio ocorreu após o arquivamento de protestos decorrentes de empresas excluídas do concurso público.

Os muros terão nove metros de altura por nove de comprimento, serão feitos em betão e instalados em San Diego, pelo que cada empresa receberá entre 400 e 500 mil dólares.

Na próxima semana a agência dependente do Departamento de Segurança Interna, Proteção de Alfândegas e Fronteiras, irá anunciar os projetos escolhidos para a outra fase do concurso, as alternativas ao muro de betão.

O Departamento de Segurança Interna tinha apontado o mês de junho para o início da construção do muro EUA-México.

O Congresso ainda não autorizou a entrada de mais dinheiro para a construção do muro. Na semana passada Donald Trump ameaçou paralisar o governo caso o Congresso não ceda às suas exigências de financiamento do muro.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG