Três milhões de portugueses seguem figuras públicas nas redes sociais

Dos internautas com perfil aberto nas redes sociais, 67% são fãs de uma celebridade. Cristiano Ronaldo é o mais seguido

Dos 4,6 milhões de portugueses com perfil criado numa rede social, 67 por cento seguem, pelo menos, uma figura pública. Ou seja, três milhões de portugueses. Um valor que sobe para os 88 por cento junto dos utilizadores com idades compreendidas entre os 15 aos 24 anos. Esta é uma das conclusões de um inquérito realizado pela Marktest e a que o DN teve acesso.

De acordo com este grupo, especializado em estudos de mercado e processamento de informação, o Facebook é a rede social preferida em Portugal: 85,7% das pessoas opta por esta plataforma, seguindo-se Instagram e YouTube.

Já no que diz respeito aos conteúdos publicados por figuras públicas, os mais "apreciados" são as fotografias - que ocupam o topo da lista com 54,8% de referências. Os comentários sobre temas da atualidade, os pensamentos e as opiniões, os vídeos e os textos de humor completam, por esta ordem, a preferência dos utilizadores da rede social criada por Mark Zuckerberg.

Mais: das várias formas de interação permitidas, a mais comum é o "gosto" (com 77%), seguindo-se a partilha de conteúdo (25%). "Apenas 14% dos fãs dizem comentar as publicações das personalidades que seguem", lê-se no estudo, realizado através de entrevistas online a 819 homens e mulheres entre os 15 e os 64 anos, feitas entre 30 de junho e 19 de julho deste ano.

Em Os Portugueses e as Redes Sociais, a Marktest vem confirmar que, com quase 117 milhões de seguidores só no Facebook, Cristiano Ronaldo é a personalidade nacional que mais utilizadores de redes sociais dizem seguir. Cristina Ferreira, com 1,6 milhões, está na segunda posição e Nuno Markl, com 734 mil, na terceira.

O jogador do Real Madrid é, aliás, a segunda pessoa com mais fãs não só em Portugal mas também em todo o mundo, adiantou há cerca de uma semana a Apple Tree Communications (ATC). De acordo com as contas feitas por esta empresa, o futebolista português tem 238 milhões de fãs entre os seus perfis oficiais de Facebook, Instagram e Twitter, sendo apenas ultrapassado pela cantora norte--americana Taylor Swift, que reúne mais oito milhões.

Uma das curiosidades apontadas pela ATC é que o maior número de pessoas a "gostar" da página de Cristiano Ronaldo no Facebook - e aqui está à frente de Swift, já que ela tem "apenas" 75 milhões de pessoas - é oriunda da Indonésia, país onde o número de fãs duplica os de Portugal e Espanha juntos.

Ainda no que toca ao Facebook, e segundo a Marktest, os portugueses dedicam uma média diária de 91 minutos às redes sociais. "68% consideram que este é o tempo adequado para dedicar às redes sociais, embora um em cada quatro refira que no último ano passou a dedicar-lhes mais tempo.

Apesar de despenderem mais de hora e meia a navegar nestas plataformas, o inquérito concluiu ainda que dos 67% dos utilizadores que visitam as redes sociais várias vezes ao dia, apenas 41% fazem publicações diárias.

E também aqui existe horário nobre, já que os acessos são feitos, maioritariamente, entre as 20.00 e as 22.00 e, cada vez mais, através de um smartphone e não através de computadores. Também nestes casos o destaque vai para o Facebook. "A maioria refere que é o site mais credível, o que informa melhor, o que mais gostam, o que tem ou divulga informação mais útil, o mais atual, o mais interessante e o mais viciante. Em termos de notoriedade, a primeira referência espontânea é também dada ao Facebook, seguido de Twitter, Instagram, LinkedIn e Snapchat", refere ainda o grupo Marktest.

Exclusivos