Homem com tatuagem na cara usa Facebook para tentar arranjar emprego

Foi tatuado quando esteve preso

Mark Cropp, um jovem de 19 anos natural da Nova Zelândia, e que recentemente cumpriu uma pena de dois anos de prisão por roubo à mão armada, usou as redes sociais para lamentar o facto de não conseguir encontrar trabalho. E diz que a razão é a tatuagem, diz "DEVAST8", que tem em grande parte da cara.

De acordo com o Daily Mail, Mark estaria a beber bebidas alcoólicas artesanais dentro da prisão onde esteve quando foi tatuado. Acabou na mesma cela que o irmão, que foi quem o convenceu a fazer a tatuagem, que era suposto ser "uma pequena linha no queixo". O objetivo era os outros presos não lhe darem problemas.

"Estava farto que as pessoas me julgassem pela minha tatuagem na cara. Foi por isso que tomei a decisão de colocar as fotografias no Facebook, para dizer 'sou um ser humano normal, não precisam de me julgar por causa da minha aparência'", acrescenta.

O jovem de 19 anos tem recebido apoio nas redes sociais, mas ainda não encontrou um emprego a tempo inteiro, que o ajude a sustentar a filha bebé.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Media
Pub
Pub