"Faz-me vomitar". Sky retira episódio de série com Michael Jackson

Filha do cantor criticou no Twitter série de comédia do canal britânico

O canal britânico Sky decidiu não emitir o episódio dedicado a Michael Jackson da minissérie Urban Myths, que faz o retrato cómico de várias personalidades do mundo das artes. Trata-se de uma minissérie com sete episódios que contam histórias baseadas em "mitos urbanos", situações que se diz terem acontecido com as celebridades retratadas, mas das quais não há qualquer confirmação de veracidade.

A decisão da Sky foi tomada depois de a filha de Michael Jackson, Paris Jackson, ter visto o trailer do episódio que junta o pai, Elizabeth Taylor e Marlon Brando numa viagem pelos EUA depois do 11 de setembro - há relatos que garantem que a viagem aconteceu, apesar de não haver prova disso.

A filha do cantor escreveu no Twitter, depois de ver as imagens, que estava "incrivelmente ofendida": "honestamente, dá-me vontade de vomitar". Paris acrescentou ainda que considerou ser "intencional" retratar os artistas de forma "insultuosa", referindo-se também à personagem de Elizabeth Taylor, que era madrinha dela. "Onde está o respeito? Eles trabalharam, deram sangue, suor e lágrimas durante tanto tempo para criar legados notáveis e profundos, que retrato vergonhoso", concluiu.

Em comunicado, a Sky informou esta sexta-feira que tomou a decisão de não transmitir o episódio de meia hora com Jackson, Taylor e Brandon, "à luz das preocupações expressadas pela família próxima de Jackson". "Propusemo-nos a olhar de forma ligeira para episódios alegadamente verdadeiros e nunca quisemos ofender. Joseph Fiennes apoia a nossa decisão".

O ator Joseph Fiennes é quem interpreta o papel de Michael Jackson na minissérie e chegou a confessar que ficou chocado por ter sido escolhido para retratar a personagem. "Sou homem branco, de classe média, de Londres. Fico tão chocado com isto quanto vocês", respondeu às críticas, acrescentando: "Acredito que Michael Jackson tinha um problema de pigmentação. Provavelmente ele estava mais próximo da minha cor de pele do que da sua cor original".

Antes da reação da filha de Jackson, a Sky tinha informado que dava aos produtores da minissérie a "liberdade criativa" que lhes permitira contratar quem quisessem para os papéis. Neste episódio, ao lado de Joseph Fiennes, a atriz Stockard Channing (de The West Wing e Grease) iria fazer de Elizabeth Taylor e o veterano Brian Cox seria Marlon Brando. O argumento foi escrito por Neil Forsyth.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG